As caldeiras de condensação são tanques ou vasos que realizam a transferência de energia térmica a partir de uma fonte de calor para a água ou vapor, enquanto que a recuperação de energia normalmente é expelida através da chaminé ou outro sistema de escape. Com a condensação do vapor de água retornando para o tanque de água no estado líquido, a caldeira utiliza o calor latente para aumentar a sua eficiência em até 98%.

Empresas relacionadas a caldeiras de condensação

ABC Torres Equip. e Man. Industrial

Rua Maria Silva, 16 Cj 22 - São Bernardo do Campo - SP - CEP: 09770-020
Telefone fixo: (11) 3412-4782
E-mail: [email protected]
http://www.abctorres.com.br/

ALFAMEC CALDEIRARIA E USINAGEM

Rua Antônio Prado Júnior, s/n - Jundiaí - SP - CEP: 13215-003
Celular: (11) 9685-6021
E-mail: [email protected]

Caldeiras de Condensação - Caldeiras de Alta Eficiência

Avenida Júlio de Castilhos, 3172 sala 02 - Caxias do Sul - RS - CEP: 95010-002
Telefone fixo: (54) 3225-3488
E-mail: [email protected]
http://www.hidromaster.com.br/

FACAS INDUSTRIAIS NAVALHAS LAMINAS FACAS CIRCULARES GERAL

Avenida Cangaíba, 2941 SALA 01 - São Paulo - SP - CEP: 03711-001
Telefone fixo: (11) 2682-2787
E-mail: [email protected]
http://www.fenixfacasindustriais.com.br/

Elas são muito simples e aplicam calor para a água que ferve e circula através do sistema na forma de água muito quente ou de vapor. A energia térmica varia de alta para baixas temperaturas assim que o calor é transferido da água ou vapor para o ar. Esses modelos são como caixas, com a fonte de calor e outros componentes alojados com segurança em um compartimento de ferro fundido, cobre, aço ou aço inox. A maioria deve ser à prova de fogo em uma área bem ventilada e com a ingestão de água e combustível. Eles fornecem o ar quente e a água, duas peças importantes da vida cotidiana. São encontradas em ambientes industriais, escritórios, escolas, unidades residenciais e muitos outros edifícios, podendo também ser usada para aquecer piscinas, por exemplo. As unidades de caldeira móveis são utilizadas em situações de emergência e militar para o aquecimento temporário. Também são encontradas em qualquer sistema de aquecimento de forma geral. Elas fornecem a água quente que é utilizada em processos de manufatura e processos industriais em geral.

Uma caldeira de condensação funciona da mesma maneira que as convencionais, com uma diferença principal. Combustível como lenha, carvão ou gás natural é queimado, produzindo gases quentes que passam por uma série de hastes de metal ou tubos que estão imersos na água. O calor do gás é transferido para as hastes de metal e depois para a água. A temperatura da água aumenta e a água quente pode ser utilizada para uma infinidade de aplicações de acordo com a necessidade. Em uma caldeira convencional, como em uma caldeira combinada, o vapor de água escaparia por meio da combustão. Uma caldeira de condensação evita esta situação, prendendo o vapor e condensado novamente em água líquida. Estas caldeiras na sua concepção têm um grande sucesso, geralmente por ter grandes trocadores de calor ou duplos trocadores (as hastes de metal e tubos). Uma caldeira de condensação oferece níveis de eficiência de cerca de 30% maior do que as convencionais, bem como as emissões de Dióxido de Carbono significativamente menor. A temperatura dos gases saindo da chaminé de uma caldeira convencional é de aproximadamente 60 graus Celsius ou mais, enquanto as de condensação liberam gases a temperaturas de 50 a 60 graus Celsius. Existem três tipos: as regulares possuem um cilindro de água quente para armazenar água enquanto as combinadas não, elas utilizam múltiplas fontes de calor, o que rapidamente aquece a água de acordo com a demanda. Os sistemas também são chamados de caldeiras seladas, pois eles utilizam cilindros de água quente mesmo com a maioria dos principais componentes construídos internamente.