Os compactadores de lixo são usados para compactar os resíduos, a fim de reduzir o tamanho dos materiais, melhorando o transporte e a eficiência do espaço. O compactador de lixo pode reduzir o volume de resíduos em 75%. Amplamente utilizado em aplicações comerciais e industriais, normalmente diminuem os resíduos que serão enviados para os aterros sanitários, mas também podem ser usados para fins de reciclagem.

Esses equipamentos podem manipular os materiais de forma mais segura como plásticos, caixas de papelão, papel ondulado e lixo em geral. No entanto, existem exceções, que são as latas de aerosol, trapos oleosos, materiais inflamáveis ou explosivos, e materiais tóxicos. Uma ampla gama de indústrias se beneficiam do seu uso, incluindo as de processamento alimentar, marinha, eletrônica, manuseio de materiais, aeroespacial e farmacêutica.

Possuem três componentes principais: um recipiente de lixo, um motor e tambor de aço. Os recipientes de lixo são tipicamente cestas de metal que estão localizadas na parte inferior do compactador de lixo. O motor, que geralmente é alimentado por sistema hidráulico, pode ser localizado na parte superior ou inferior. As prensas de aço estão disponíveis em diferentes forças e são armazenadas na parte superior da unidade. Uma vez que o processo de compactação é iniciada, o motor lentamente reduz a prensa girando um sistema de correia e polias, ou um conjunto de engrenagens de redução. A prensa então exerce uma força intensa sobre os materiais usados, o que resulta na compactação. Quando a pressão da prensa chega ponto programado, o motor irá inverter e aumentar a prensa voltando à sua posição original. Os modelos comerciais, normalmente utilizam caixas ou sacos para armazenar os materiais recém-comprimidos, enquanto os do tipo industrial produzem fardos de resíduos dos materiais compactados.

Como a reciclagem se torna cada vez mais procurada pelos processos industriais e de produção, o empacotamento de papelão será um equipamento que continuará a desempenhar um papel central no processo também. O papelão ondulado é particularmente benéfico para a reciclagem, pois representa uma grande percentagem de resíduos industriais, bem como até 15% do lixo de escritórios e 40% ou mais em ambientes de varejo. Os benefícios da reciclagem de papelão incluem a redução das emissões dos gases estufa, ambientes mais seguros de trabalho, a conservação da água, liberando o espaço que foi usado para o armazenamento do papelão perdido e conservação dos recursos naturais. Considerado um processo ambientalmente amigável, as prensas de papelão também garantem um custo-benefício de reciclagem de papelão e outros materiais utilizados para o lucro ou para a recuperação do material que proporciona um ROI (Retorno Sobre o Investimento) de materiais desperdiçados, que não existiriam de outra forma.