As cortinas acústicas são cortinas pesadas ou painéis feitos de materiais especialmente concebidos para que impeçam que o ruído possa mover-se entre espaços. Também conhecida como cortinas de absorção, mantas acústicas, ou cortinas de controle de ruído, este tipo de equipamento é usado em ambientes industriais, comerciais e até residenciais.

Elas são utilizadas em praticamente todos os locais onde o objetivo é controlar e reduzir o nível de poluição sonora.

Um meio eficaz de isolamento acústico, elas podem reduzir a transmissão do som em até 29 decibéis, dependendo dos materiais e as aplicações utilizadas. A redução de ruído deste tipo é usado em ambientes como teatros, para incluir equipamentos industriais alto, igrejas, auditórios, restaurantes, escritórios espaços exteriores, além de aplicações interiores e instalações de tratamento de águas residuais. Os hospitais também podem usá-las para garantir a privacidade e conforto do paciente, reduzindo o ruído dos equipamentos. Esta diversidade exige que elas estejam disponíveis não apenas na forma comercial, mas muitas vezes em projetos personalizados. Os fabricantes de painéis acústicos são contratados para projetar essas cortinas em ambos os ambientes industriais e residenciais. Os desenhos industriais são feitos de forma personalizada, e devem ser feitos para caber em ambientes específicos. Já os projetos residenciais são mais personalizados no setor estético, muitas opções se assemelham a típica cortina utilizada em salas e quartos. Elas muitas vezes têm a vantagem de funcionar como barreiras térmicas, formando um bloqueio à luz solar, e também como filtros de ar, pois sua fabricação é capaz de capturar compostos orgânicos nocivos voláteis presentes principalmente em torno equipamentos industriais.

Enquanto a construção específica varia conforme o fabricante, elas são costuradas em juntas gerais. Camadas de múltiplos ou de um único material são costuradas, muitas vezes com pesos na barra inferior para resistir o movimento que poderia permitir que o ruído de escape. Os modelos acolchoados são muitas vezes utilizados para reforçar os materiais, fazendo com que os painéis tenham entre um e quatro centímetros de espessura. Os materiais comuns incluem massa de vinil flexível, cloreto de polivinil, lã, camurça, compósitos de fibra de vidro e tecido aluminizado. Estes materiais de insonorização podem ser usados em várias combinações, dependendo das necessidades específicas. Os tecidos de lã são naturalmente resistentes ao fogo e, juntamente com os materiais de calor e revestimentos resistentes são frequentemente usados em torno de máquinas industriais, onde uma grande quantidade de calor pode ser gerada. Água e materiais químicos apropriados são utilizados para a limpeza da mesma.

A instalação pode variar de acordo com as aplicações específicas e elas podem ser penduradas em postes verticais, anexadas em quadros, penduradas no teto ou em faixas. Os quadros, chaves e trilhos são feitos de latão ou mesmo de aço galvanizado. Estas opções permitem que muitas delas possam oferecer um custo benefício de isolamento acústico em ambientes comerciais, industriais e domésticos.