Um detector de vazamento de gás é usado para determinar a quantidade e a composição do gás emitido ao ar a partir de uma máquina ou sistema. Ele também monitora a quantidade de vazamento de modo que nenhum perigo potencial para o equipamento ou para a saúde dos indivíduos nas imediações ocorra.

Um outro fator preocupante é o quão rápido o vazamento acontece, seja em uma pequena quantidade, e a frequência em que acontece. A ação correspondente para lidar com o vazamento não pode ocorrer sem a indicação deste dispositivo e sem informações de monitoramento. Ocasionalmente, os modelos de detectores de vazamento de gás trabalham em conjunto com ferramentas de análise, como os testadores e analisadores de escape de gases, que normalmente precedem o uso de um detector de vazamento. Existem muitos tipos destes dispositivos. Espectrometria de massa é um método utilizado por um detector de vazamento para medir a perda de gás, e é um processo complicado cientificamente. Simplificando, este método usa um campo magnético para medir o conteúdo de íons no ar. Ao medir a relação massa-carga de um gás através das reações de íons, é capaz de identificar se ele está vazando e que substância é especificamente.

As fugas de gás podem ser encontradas através de produtos químicos, eletrônicos, de som e tecnologias sensíveis. Os detectores de vazamento são dispositivos portáteis programados para monitorar essas condições específicas. A mobilidade de um detector de vazamento é importante porque as redes estreitas e complexas de tubulações para distribuição de gás e água a casas e prédios, na maioria das vezes, exigem grande habilidade das equipes de manutenção. A maioria dos métodos de detecção de vazamento é dependente do operador, embora também seja executada por meio de uma bomba automática. O detector de vazamento de halogênio é um exemplo. Diferentes tipos de detectores são usados para funções específicas, tais como a detecção de gases reais no local do vazamento, a quantidade que está saindo e o tipo de gás.