Os diafragmas de borracha são flexíveis, e nada mais são do que selos que previnem a transmissão de substâncias indesejadas entre dois lugares. Estas substâncias podem ser líquidas, gases ou soluções.

Os modelos de borracha moldada são caracteristicamente duros, versáteis e dinâmicos. Normalmente, eles agem como uma barreira entre duas áreas, que são essenciais em muitas aplicações de controle de fluxo.

Eles são normalmente construídos a partir de elastômeros, tais como silicone, borracha natural, viton, fluoroelastómeros, flurosilicone, borracha de estireno-butadieno (SBR), borracha nitrílica (NBR) e a borracha EPDM. Cada variedade apresenta a sua própria tolerância para a pressão, e não dois materiais de borrachas são idênticos em termos de reatividade química. Ele poderá ser usado nos aparelhos de pressão, reguladores de fluxo, mecanismos de ativação, válvulas de controle de fluídos, bombas e acumuladores. No entanto, um modelo EPDM não será útil na regulação da pressão de combustível, pois ele quebra quando exposto aos produtos petrolíferos. A borracha nitrílica, por outro lado, pode facilmente resistir ao contato prolongado com combustível. Todos os tipos de indústrias fazem uso deste tipo de diafragma, alguns exemplos são a petroquímica automotiva, farmacêutica, alimentícia, e têxtil.

Três métodos de fabricação são os principais responsáveis pela maior parte dos modelos de borracha produzidos em escala industrial, sendo eles: moldagem por compressão, moldagem por injeção e moldagem de transferência. A moldagem por compressão comprime o material cru em uma cavidade de molde aquecido, o que garante que ela irá entrar em contato com qualquer superfície da cavidade do molde. A moldagem de transferência é semelhante a moldagem por compressão, exceto que a borracha em estado bruto é primeiramente colocada em uma câmara de transferência aquecida até que adquira a forma líquida, em seguida, é prensada no molde aquecido por um êmbolo. Já a moldagem por injeção é o método mais comum, pois pode produzir peças de alta qualidade em grandes volumes de produção com tempos curtos.

Existem vários tipos de configurações deste dispositivo, o mais comum são planos, cartola e em formas de pratos. Os modelos “Flat” oferecem uma capacidade limitada de uso e são feitas de vários destes materiais. Já os diafragmas cartolas são limitados pela sua altura. E os diafragmas em forma de prato têm uma parede lateral que inclina-se gradualmente, que lhes permite ser flexionado em ambas as direções. Seja um modelomoldada por compressão ou moldados por injeção, o único limite para o diafragma é o seu orçamento e criatividade do engenheiro.