A paleteira é um tipo de empilhadeira que é projetada especificamente para levantar e transferir pallets carregados. Estes equipamentos são comuns na maioria dos ambientes em que há armazenamento, como depósitos, armazéns gerais, tanto na distribuição como na fabricação.

As indústrias que se beneficiam do uso de paleteiras incluem as indústrias de bebidas e alimentos, construção civil, de movimentação de materiais, cosméticos, papel, produtos farmacêuticos e produtos químicos, armazéns gerais, localizados em diversos locais, tais como portos e aeroportos, entre outros

Com a utilização de uma paleteira na maioria das situações industriais ou comerciais, há uma melhora no potencial de armazenamento, reduzindo o risco de lesões e o tempo de estocagem. Soluções de baixo custo de transporte, as paleteriras também são altamente versáteis e podem ser feitas com garfos ajustáveis para atender a uma ampla gama de estilos de paletes para aplicações diferentes, seja somente para transporte, ou então içamento.

Existem dois tipos básicos, as manuais, e as elétricas. As manuais são acionadas manualmente, à mão ou com o pé na parte traseira. As rodas dianteiras destes equipamentos manuais são instaladas sob as extremidades dos garfos dentro de uma base. Um identificador é ligado à base para permitir a direção e alimentação. Quando a paleteira manual é acionada a mesma começa o processo de levantamento dos garfos, que são levantadas para cima até que a carga dos pallets seja capaz de sair do chão para transitar livremente. As elétricas são projetadas com um motor de combustão interno ou motores elétricos. Normalmente são motorizados hidraulicamente e algumas empresas têm desenvolvido atuadores elétricos controlados para as elétricas. Estes equipamentos consistem no mesmo design básico, mas geralmente têm uma plataforma adicional para o usuário para se sustentar, durante o movimento. Movido por um acelerador no punho, são dirigidos através do giro de uma manivela no sentido desejado e estão equipados com freios ou reversão, um interruptor que desliga automaticamente a máquina se o operador for incapacitado. O peso e o volume da carga normalmente determinam que tipo de paleteira deve ser utilizada.

Algumas características são comuns, como quadros de inclinação e rotação e as rodas para aumentar a capacidade de manobra dos veículos e sua eficiência global. Algumas rodas também podem ser equipadas com estabilizadores, como o próprio nome diz, podem dar maior estabilidade ao equipamento durante a realização dos movimentos. A paleteira pode ter trilhos de segurança instalados em todo a patola para minimizar o risco de uma carga deslizar ou cair. As características de segurança, como luzes piscantes e sirenes audíveis para os movimentos de ré, são características comuns que ajudam a manter os trabalhadores em torno conscientes da circulação dos veículos e sua presença, a fim de evitar lesões e perda de produto. Algumas limitações destes equipamentos incluem a incapacidade de utilizar paletes reversíveis, permite apenas paletes com duas entradas, embora haja no mercado muitos modelos com quatro entradas, podendo pegar o palete por qualquer lado.